Lei obriga pet shop e clínica veterinária a denunciar maus-tratos no Rio

(Fotolia)
Lívia Marra

Funcionários de pet shops, hospitais e clínicas veterinárias do Rio agora são obrigados por lei a denunciar à polícia indícios de maus-tratos contra os animais atendidos nos estabelecimentos.

Conforme a determinação, deverão ser informados nome, endereço e contato do tutor do animal, além do serviço prestado, raça, características físicas e estado de saúde no momento do atendimento.

Sancionada pelo governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) nesta quinta (5), a medida vale para todo o estado.

As denúncias devem ser feitas nas delegacias mais próximas, na Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente ou em órgãos de fiscalização ambiental municipal e estadual.

Maus-tratos é crime previsto em lei federal, com pena de detenção de três meses a um ano, e multa. No entanto, poucos casos são denunciados no país.