Encontrado em floresta e adotado por Meghan Markle, cãozinho vive conto de fadas

Lívia Marra

Agora integrado à realeza britânica com o casamento da tutora, Meghan Markle, com o príncipe Harry, Guy é um beagle de sorte.

O cãozinho –adotado pela atriz– havia sido encontrado em uma floresta do Kentucky (EUA), levado para abrigo no Canadá e quase submetido a uma eutanásia, em 2015.

Na ocasião, Meghan morava no Canadá, onde gravava a série de TV “Suits”, e viu o beagle em um evento de adoção. Guy estava no país havia um dia.

“É uma vida de sonho, uma história real de mendigo a milionário”, disse à AFP Dolores Doherty, que dirige a associação A Dog’s Dream Rescue e organizou uma cadeia humana de motoristas voluntários para levar o cachorro pelos 805 quilômetros para a sua adoção. Ele vive um conto de fadas, escreveu a agência.

Guy se mudou para a Inglaterra em novembro de 2017. Porém, para se casar com Harry, Meghan precisou abrir mão de sei outro cachorro, também adotado.

Idosinho e fraco para enfrentar a viagem, Bogart ficou no Canadá. A atriz foi criticada à época, quando o secretário de comunicação do príncipe Harry, Jason Knauf, disse que cachorro ficaria entre bons amigos, segundo a agência Associated Press.

(Foto: Reprodução/Instagram)