Cão sofre parada respiratória após incêndio e é reanimado por bombeiros

Por Lívia Marra

Um cachorrinho retirado inconsciente de um apartamento em chamas foi salvo por bombeiros, que insistiram em técnicas de reanimação cardiorrespiratória, em Santa Mônica, na Califórnia (EUA).

Segundo a corporação, o fogo destruiu parte do imóvel e foi controlado em cerca de dez minutos, na última terça (21). Durante as buscas por vítimas, o cãozinho foi encontrado. Além da alta temperatura no local, ele havia inalado muita fumaça e estava sem pulsação ou respiração.

Por 20 minutos, bombeiros recorreram a manobras de ressuscitação, que incluem respiração boca a boca, até que o bichinho voltou a respirar e recuperou a consciência.

O resgate contou ainda com máscara de oxigênio para animais, equipamento padrão nas unidades de Santa Mônica, diz a corporação.

O cãozinho foi levado para tratamento auxiliar em uma clínica veterinária. Não há registro de outras vítimas no incêndio. 

OUTRO CASO

No ano passado, um cachorro foi salvo em situação semelhante, na Romênia.

Na ocasião, técnicas de ressuscitação também foram aplicadas, e o bichinho voltou a respirar em alguns minutos.

O bombeiro responsável pelo salvamento foi homenageado com um distintivo de honra, segundo a corporação.