Vídeo mostra dificuldades enfrentadas por animal abandonado; veja campanha

Por Lívia Marra

O abandono de animais preocupa, e campanhas tentam alertar os tutores sobre a guarda responsável.

Abandonados, os bichinhos passam fome, frio, sentem frio, são agredidos, ficam vulneráveis a doenças. Para mostrar essa realidade, a empresa Pet Anjo lançou, em parceria com ONGs, a ação #PareDeAbandonar, e quer espalhar a ideia por meio dessa hashtag.

O vídeo da campanha retrata o abandono pela visão dos animais. Veja:

“O objetivo é chamar a atenção para os animais abandonados, para que as pessoas se conscientizem que todos os dias centenas de animais são cruelmente deixados para trás justamente pelas pessoas que eles mais amam. Nas ruas eles passam fome, frio, sede, sofrem acidentes, ficam doentes. Mas, mais do que isso: de um dia para o outro perdem a família. Como sociedade, não podemos fechar os olhos para tamanha brutalidade.” diz Carolina Rocha, CEO da empresa Pet Anjo e especialista em comportamento animal.
Segundo dados da OMS (Organização Mundial da Saúde) apontam 30 milhões de cães e gatos em situação de abandono no Brasil.

O Bom Pra Cachorro já mostrou que o abandono acontece em qualquer época, mas cresce na época de festas de fim de ano e das férias de verão, quando os tutores vão viajar e largam seus bichinhos nas ruas ou deixam os animais sozinhos em casa –e eles acabam fugindo.

GUIA

Muitos animais aguardam em abrigos a chance de ter um lar.

Além da campanha contra o abandono, a Pet Anjo e parceiros disponibilizam um ebook gratuito com um guia de adoção e orientações para adotar um pet. Faça o download no site da campanha.

OUTRA CAMPANHA

Também para evitar o abandono, o Conselho Regional de Medicina Veterinária de São Paulo lançou a campanha “Quando a gente gosta é claro que a gente cuida”.

Sob a música “Sozinho”, de Peninha, clipe da ação retrata Zeca, cachorro abandonado pelos tutores e que enfrenta a dura realidade das ruas. Clique aqui e veja o vídeo.